segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Liturgia do Dia - sua Profecia diária


Segunda-feira, dia 28 de Novembro de 2016

Segunda-feira da 1a semana do Advento

Santa Catarina Labouré, religiosa, +1876

Comentário do dia
Beato Guerric de Igny : Aproximou-se dele um centurião.

Is. 4,2-6.

Naquele dia, o gérmen do Senhor será o ornamento e a glória dos sobreviventes de Israel, o fruto da terra será o seu esplendor e alegria.
Os que restarem em Sião e os sobreviventes de Jerusalém serão chamados santos, serão todos inscritos para a vida em Jerusalém.
Quando o Senhor tiver lavado as impurezas das filhas de Sião e limpado o sangue do meio de Jerusalém, com o sopro da sua justiça, um sopro abrasador,
Ele criará sobre todo o espaço do monte Sião e sobre as suas assembleias uma nuvem de fumo durante o dia e um esplendor de fogo ardente durante a noite. Por cima de tudo, a glória do Senhor
será uma cobertura e uma tenda, para fazer sombra contra o calor do dia e servir de refúgio e abrigo contra a chuva e a tempestade.


Salmos 122(121),1-2.3-4a.4b-5.6-7.8-9.

Alegrei-me quando me disseram:
«Vamos para a casa do Senhor».
Detiveram-se os nossos passos
às tuas portas, Jerusalém.

Jerusalém, cidade bem edificada,
que forma tão belo conjunto!
Para lá sobem as tribos,
as tribos do Senhor.

Segundo o costume de Israel,
para celebrar o nome do Senhor;
ali estão os tribunais da justiça,
os tribunais da casa de David.

Pedi a paz para Jerusalém:
«Vivam seguros quantos te amam.
Haja paz dentro dos teus muros,
tranquilidade em teus palácios».

Por amor de meus irmãos e amigos,
pedirei a paz para ti.
Por amor da casa do Senhor,
pedirei para ti todos os bens.




Mateus 8,5-11.

Naquele tempo, ao entrar Jesus em Cafarnaum, aproximou-se d'Ele um centurião, que Lhe suplicou, dizendo:
«Senhor, o meu servo jaz em casa paralítico e sofre horrivelmente».
Disse-lhe Jesus: «Eu irei curá-lo».
Mas o centurião respondeu-Lhe: «Senhor, eu não sou digno de que entres em minha casa; mas diz uma só palavra e o meu servo ficará curado.
Porque eu, que não passo dum subalterno, tenho soldados sob as minhas ordens: digo a um 'Vai!' e ele vai; a outro 'Vem!' e ele vem; e ao meu servo 'Faz isto!' e ele faz».
Ao ouvi-lo, Jesus ficou admirado e disse àqueles que O seguiam: «Em verdade vos digo: Não encontrei ninguém em Israel com tão grande fé.
Por isso vos digo: Do Oriente e do Ocidente virão muitos sentar-se à mesa, com Abraão, Isaac e Jacob, no reino dos Céus,



Tradução litúrgica da Bíblia



Comentário do dia:

Beato Guerric de Igny (c. 1080-1157), abade cisterciense
3.º sermão para o Advento

Aproximou-se dele um centurião.

Ó verdadeira Israel, apronta-te para o encontro com o Senhor! Não te aprontes apenas para Lhe abrir a porta logo que Ele chegar e bater (Lc 12,36), mas vai ao seu encontro alegre e jubilosamente enquanto ainda está longe (Lc 14,32) e, tendo, por assim dizer, plena confiança no dia do julgamento (1Jo 4,17), clama com todo o coração que o seu Reino venha. [...] Que a tua boca possa cantar: «O meu coração está firme, ó Deus, o meu coração está firme!» (Sl 56,8) [...]

E Tu, Senhor, vem ao meu encontro, pois estou diante de Ti! De facto, a despeito de todos os meus esforços, não poderei elevar-me à tua altura, a menos que, inclinando-Te, estendas a tua direita para a obra das tuas mãos. Vem pois ao meu encontro e vê se há em mim algum caminho de iniquidade (Jb 14,15); e se achares em mim um caminho de iniquidade que eu ignoro, afasta-o de mim e tem piedade de mim, conduz-me pela via eterna (Sl 124,8), quer dizer, por Cristo, pois Ele é a via por onde se caminha e a eternidade à qual se chega, via imaculada e morada bem-aventurada.







Textos Retirados de: Evangelho Quotidiano. org