quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Liturgia do Dia - sua Profecia diária


Quinta-feira, dia 01 de Dezembro de 2016

Quinta-feira da 1a semana do Advento

Beato Carlos de Foucauld, presbítero, +1916, Santo Elói, bispo, +660

Comentário do dia
Santo Agostinho : Construir sobre a rocha

Is. 26,1-6.

Naquele dia, cantarão este hino na terra de Judá: «Nós temos uma cidade forte; muralhas e fortificações foram postas para nos proteger.
Abri as portas para que entre um povo justo, um povo que pratica a fidelidade.
O seu coração está firme: dar-lhe-eis a paz, porque em Vós tem confiança».
Confiai sempre no Senhor, porque o Senhor é a nossa fortaleza eterna.
Humilhou os habitantes das alturas, abateu a cidade inacessível, derrubou-a por terra, arrasou-a até ao solo.
Ela é calcada aos pés, os pés dos infelizes, os passos dos pobres.


Salmos 118(117),1.8-9.19-21.25-27a.

Dai graças ao Senhor, porque Ele é bom,
porque é eterna a sua misericórdia.
Mais vale refugiar-se no Senhor,
do que fiar-se nos homens.
Mais vale refugiar-se no Senhor,
do que fiar-se nos poderosos.

Abri-me as portas da justiça:
entrarei para dar graças ao Senhor.
Esta é a porta do Senhor:
os justos entrarão por ela.
Eu Vos darei graças porque me ouvistes
e fostes o meu Salvador.

Senhor, salvai os vossos servos,
Senhor, dai-nos a vitória.
Bendito o que vem em nome do Senhor,
da casa do Senhor nós Vos bendizemos.
O Senhor é Deus
e fez brilhar sobre nós a sua luz.




Mateus 7,21.24-27.

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Nem todo aquele que Me diz 'Senhor, Senhor' entrará no reino dos Céus, mas só aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos Céus.
Todo aquele que ouve as minhas palavras e as põe em prática é como o homem prudente que edificou a sua casa sobre a rocha.
Caiu a chuva, vieram as torrentes e sopraram os ventos contra aquela casa; mas ela não caiu, porque estava fundada sobre a rocha.
Mas todo aquele que ouve as minhas palavras e não as põe em prática é como o homem insensato que edificou a sua casa sobre a areia.
Caiu a chuva, vieram as torrentes e sopraram os ventos contra aquela casa; ela desmoronou-se e foi grande a sua ruína».



Tradução litúrgica da Bíblia



Comentário do dia:

Santo Agostinho (354-430), bispo de Hipona (norte de África), doutor da Igreja
Sermões sobre o Evangelho de S. João, n.º 7

Construir sobre a rocha

Será de surpreender que o Senhor tenha mudado o nome de Simão, substituindo-o por Pedro? (Jo 1,24) «Pedro» significa rocha; o nome de Pedro é, pois, o símbolo da Igreja. Quem está em segurança, senão aquele que constrói sobre a rocha? O que diz o próprio Senhor? «Todo aquele que ouve as minhas palavras e as põe em prática é como o homem prudente que edificou a sua casa sobre a rocha. Caiu a chuva, vieram as torrentes e sopraram os ventos contra aquela casa; mas ela não caiu, porque estava fundada sobre a rocha.»

De que serve entrar na Igreja àquele que quer construir na areia? Esse escuta a palavra de Deus, mas não a põe em prática; Ele constrói, mas na areia. Se não escutasse, não construiria; Ele escuta, por isso constrói. Mas sobre que fundações? Se ouve a palavra de Deus e a põe em prática, é sobre a rocha; mas, se a ouve e não a põe em prática, é na areia. Pode-se, pois, construir de dois modos muito diferentes. [...] Se te contentas em ouvir sem pôr em prática, estás a construir uma ruína. [...] Se, pelo contrário, não ouves, ficarás sem abrigo, e serás levado pela torrente das tribulações. [...]

Tende pois a certeza, meus irmãos, de que aquele que ouve a palavra sem agir em conformidade com ela não constrói sobre a rocha, não tendo por isso qualquer relação com o grande nome de Pedro, ao qual o Senhor deu tanta importância.







Textos Retirados de: Evangelho Quotidiano. org